Endividamento do Consumidor – Maio de 2014

Página Inicial / Pesquisa / Pesquisa do Consumidor / Endividamento do Consumidor / Endividamento do Consumidor – Maio de 2014

Para traçar o quadro de endividamento e inadimplência dos consumidores, a área de Estudos Econômicos da Fecomércio MG realiza, mensalmente, a Pesquisa de Endividamento do Consumidor (PEC). De acordo com a analise do mês de maio, em Belo Horizonte, a taxa de inadimplência na capital mineira ficou em 3,1%. Em abril, esse valor foi de 3,6%. Em contrapartida, o nível de endividamento em BH apresentou um aumento em maio, registrando 50,6% frente a 50,1% do mês anterior.

A pesquisa revela ainda que 73,4% dos endividados comprometeram sua renda com o cartão de crédito. Já a participação dos meios eletrônicos de pagamentos correspondeu a 79,4% do total dos compromissos financeiros. Em relação aos cartões de lojas, também conhecidos como Private Label, 6% dos consumidores, comprometeram sua renda com essa modalidade.

Contas em atraso
O índice de consumidores com contas atrasadas apresentou recuo. No mês de maio, esse índice correspondeu a 16,9% ante aos 22,8% do mês anterior. Os consumidores que possuem algum compromisso financeiro em atraso acima de 91 dias representaram 37,5% do total. Já 28,1% dos entrevistados têm atrasos de menos de 30 dias.

Conforme o economista da Fecomércio MG, Gabriel de Andrade Ivo, o principal motivo dos atrasos é a falta de planejamento, com 51,5% das respostas. “A maioria dos compromissos em aberto são aqueles de curto prazo e provavelmente são os que os consumidores optam por deixar em aberto por algum motivo, como juros menores.” 

Perfil do Inadimplente
Dos consumidores que possuem contas pendentes, com pelo menos 91 dias, 58,3% são mulheres. No que diz respeito à idade dos inadimplentes, 41,7% tem entre 35 e 44 anos.

Postagens Recentes