Black Friday deve movimentar mercado on-line

Página Inicial / Notícia / Economia / Black Friday deve movimentar mercado on-line

Black Friday é uma ação de vendas anual que mobiliza o mercado de e-commerce com a oferta de descontos e promoções diferenciadas. Criada nos Estados Unidos, a campanha ocorre durante as 24 horas da última sexta-feira de novembro, dia 27, após o feriado americano de Ação de Graças, e há cinco anos chegou ao Brasil com a proposta de alavancar as vendas do mercado on-line. Em 2014, cerca de R$ 800 milhões foram gastos por brasileiros durante a ação.

Apesar da instabilidade econômica e da redução do poder de compra do consumidor, a Associação Brasileira de Comércio Eletrônico (ABComm) aposta que a edição 2015 da Black Friday terá faturamento superior a R$ 1 bilhão. As promoções, que podem oferecer preços até 80% menores, serão praticadas por empresas de setores variados, como comércio, turismo, serviços, beleza, entre outros.

Segundo o economista da Fecomércio MG, Guilherme Almeida, a ação pode ser uma boa oportunidade para empresários e consumidores, mas é preciso ter planejamento e cautela. “A Black Friday chega como uma oportunidade de potencializar os negócios em um período de recessão econômica. Mas tanto os empresários quanto os consumidores precisam analisar sistematicamente a sua situação atual para definir a melhor forma de adesão”, afirma.

Para o especialista, os preços atrativos praticados podem se transformar em uma armadilha para os dois lados. “Os empresários precisam adotar uma política de preços que mantenha sua margem de lucro em níveis satisfatórios para a rentabilidade do negócio. Já os consumidores devem se planejar para não se render às compras por impulso, assumindo compromissos financeiros acima do que poderão pagar”, orienta.

A fim de permitir um melhor aproveitamento da Black Friday, a Fecomércio MG elencou dez dicas para que empresários e consumidores façam bons negócios durante a ação.

Estratégias para a Black Friday 2015

Empresários

  • Ofereça descontos realistas: não comercialize com uma margem de lucro pequena. Vender com uma margem muito baixa não proporciona ao empresário capital giro;
  • Não mascare ofertas: seja sincero quanto ao valor original do produto. Com os consumidores cada dia mais informados, a “maquiagem” dos preços pode significar a derrocada para a marca do empreendimento;
  • Invista em infraestrutura tecnológica: falhas técnicas, lentidões e quedas nos acessos dos sites comprometem o sucesso das vendas. Investir em infraestrutura, tecnologia de alta performance e segurança da loja virtual é fundamental;
  • Planeje o estoque: Um estoque muito pequeno de produtos pode comprometer a imagem da marca ao deixar os consumidores frustrados. A Black Friday é uma boa oportunidade para a renovação do estoque: separe aqueles produtos que em breve serão substituídos para a promoção;
  • Negocie com o fornecedor valores e formas de pagamento. Isso serve de insumo para o desconto que será concedido aos clientes;
  • Antecipe as promoções;
  • Campanhas de frete: garanta, se possível, a entrega gratuita. Essa ação é um diferencial nesta data. Mas analise detalhadamente o seu negócio e faça um planejamento do estoque, dos operadores logísticos e da margem de lucro;
  • Entrega: cumpra as entregas nos prazos estabelecidos;
  • Invista na comunicação: uma boa comunicação pode garantir que a marca saia na frente. Ações de e-mail marketing são fundamentais;
  • Ofereça diversas formas de pagamento: repense o boleto, pois muitas pessoas, por não possuírem o cartão de crédito, preferem essa modalidade.

Consumidores

  •  Prepare uma lista de desejos: elabore uma lista com os produtos que deseja comprar durante a Black Friday;
  • Analise seu orçamento: prepare um levantamento com suas despesas e receitas para definir as melhores condições de pagamento durante as compras;
  • Pesquise preços: monitore os preços dos seus itens de desejo em sites de interesse durante um período anterior, assim você saberá se o desconto realmente está valendo a pena;
  • Pesquise a reputação da empresa em que fará a compra: visite sites oficiais da promoção para saber se a empresa está credenciada (blackfriday.com.br); procure o selo oficial da promoção, elaborado pela Câmara Brasileira de Comércio Eletrônico, que estabelece critérios e um código de ética às empresas participantes; consulte sites especializados em reputação de empresas.
  • Avalie os diferenciais oferecidos: fique atento aos diferenciais que agregam valor à compra, como frete grátis, desconto para pagamento à vista e o oferecimento de brindes;
  • Formas de pagamento: avalie as formas de pagamento oferecidas e lembre-se de que o cartão de crédito deve ser utilizado como um instrumento de controle de gastos, e não como complemento da renda, uma vez que a sua taxa de juros é a mais alta do mercado (414%) e o descontrole pode levá-lo à inadimplência.
Postagens Recentes