Preservação da gastronomia mineira

Página Inicial / Notícia / Negócios Turísticos / Preservação da gastronomia mineira

A gastronomia mineira é um dos pontos mais fortes do turismo no Estado. Segundo a Pesquisa de Demanda Turística, do Observatório de Turismo de Minas, a primeira imagem que vem à cabeça do turista quando se fala do Estado está relacionada à gastronomia. Considerando essa potencialidade, o Sistema Fecomércio MG, Sesc e Senac integra o projeto “Primórdios da Cozinha Mineira”. Criada em 2015, a ação acontece nas cidades de Santa Barbara, Caeté, Barão de Cocais e Catas Altas, com o objetivo de mapear, resgatar e preservar os hábitos, técnicas e produtos alimentares dos primeiros habitantes de Minas Gerais, reunindo gastronomia, história e turismo. O projeto inicial surgiu de uma atividade de extensão dos alunos do curso de Graduação Tecnológica em Gastronomia do Senac, que realizaram pesquisas e desenvolveram produtos nas regiões da Serra da Piedade até a Serra do Caraça.

No dia 8 de fevereiro, foi realizado um encontro entre os representantes do Sistema com prefeitos, secretários de turismo e instituições das cidades onde o projeto é realizado, para apresentar os resultados alcançados e estimular o apoio desses órgãos nas ações desenvolvidas e dar continuidade ao projeto.

Desde sua criação, o programa capacitou diversos produtores rurais, promovendo encontros, participação em feiras e eventos regionais, auxiliando a comercialização dos produtos desenvolvidos localmente.

A analista de turismo da Fecomércio MG, Milena Soares, ressalta o papel da entidade no projeto. “A ideia é potencializar as estratégias criadas, sensibilizando o empresariado dos municípios participantes sobre as interações do comércio, turismo e gastronomia no desenvolvimento socioeconômico regional.”

Postagens Recentes