Volume de vendas retraiu 4,9% em dezembro

Página Inicial / Notícia / Economia / Volume de vendas retraiu 4,9% em dezembro

O indicador de volume de vendas retraiu 4,9% em dezembro de 2016, na comparação com o mesmo mês de 2015. O resultado do índice para o ano passado atingiu o recuo mais acentuado da série histórica, 6,2%, iniciada em 2001. Os dados são da Pesquisa Mensal do Comércio (PMC), divulgada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). No comércio varejista ampliado, a queda nas vendas em 2016 foi de 8,7%.

A analista de pesquisa da Fecomércio MG, Elisa Castro, aponta que o varejo ainda reflete a conjuntura desfavorável que gerou o encolhimento do setor há dois anos. “O alto índice de desemprego impactou a renda das famílias, o que, aliado à inflação e às elevadas taxas de juros, mudou o comportamento dos consumidores. A redução da demanda afetou diretamente as vendas no comércio.”

No âmbito estadual, o indicador teve queda de 1,6% para o varejo restrito e de 5,1% para o varejo ampliado, em 2016. Os segmentos que registraram os piores resultados foram tecidos, vestuário e calçados (-14,7%), móveis (-12,5%) e materiais de construção (-12,2%).

Serviços 

Dados da Pesquisa Mensal de Serviços (PMS) mostraram novo recuo nessa atividade. Na comparação mensal, as atividades do setor recuaram 5,7% em dezembro de 2016 frente ao mesmo mês de 2015. No acumulado do ano, o resultado negativo permaneceu, com redução de 5%. O recuo foi liderado, principalmente, pelos serviços de transporte (-7,6%) e serviços profissionais e administrativos (-5,5%).

Acesse aqui a Pesquisa Mensal do Comércio.

Acesse aqui a Pesquisa Mensal de Serviços.

Postagens Recentes