Presidentes de Federações do Comércio visitam Minas Gerais

Página Inicial / Notícia / Presidentes de Federações do Comércio visitam Minas Gerais

Presidentes de dez Federações do Comércio de Bens, Serviços e Turismo estiveram presentes ontem (04/04) em almoço realizado na Fecomércio MG, em Belo Horizonte. O encontro com os também diretores da Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC) e conselheiros do Sesc e Senac (Nacionais) teve o objetivo de aproximar as entidades, proporcionando mais coesão nas ações, e visando o fortalecimento do Sistema S em nível nacional.

O presidente do Sistema Fecomércio MG, Sesc e Senac, Lázaro Luiz Gonzaga, agradeceu a reciprocidade dos colegas dirigentes e destacou uma das metas a serem alcançadas pelas entidades nos Estados. “Este grupo é o responsável por conduzir as propostas do sindicalismo brasileiro. Nosso trabalho avançou. Alcançamos diversas conquistas, mas temos o desafio de aumentar a capilaridade do Sistema. Agradeço o apoio de todos”, afirmou.

Nesse contexto, os presidentes das Federações ressaltaram a comunhão das entidades para o fortalecimento dos segmentos. O presidente da Fecomércio Piauí, Valdeci Cavalcante, fez um pronunciamento contundente. “Oficializar este apoio mútuo é reconhecer a ética e a lealdade com que os sindicatos devem ser conduzidos. Percebemos essa priorização aqui na Fecomércio MG.”

À frente da Fecomércio Amazonas, José Roberto Tadros observou que as instituições atuam com uma postura coerente. “Representamos o setor empresarial, e vamos continuar a defender os interesses das entidades de classe privadas com muita união”, declarou. Eliezir Viterbino da Silva, dirigente da Fecomércio Amapá, pontuou que, atualmente, as Federações são geridas com visão estratégica, prospectando o futuro, sem medo de mudanças.

Luiz Gastão Bittencourt da Silva, da Fecomércio Ceará, enalteceu a atuação das instituições. “O Sistema S presta contribuição ímpar à sociedade, e os avanços são necessários. Precisamos realizá-los com coragem para mudar o que for necessário”, concluiu. Já o presidente da Fecomércio Acre, Leandro Domingos Teixeira Pinto, acrescentou que Minas Gerais está entre os três Estados brasileiros que mais provocam impactos na arrecadação do Sistema, prova de que a gestão é eficiente. “Temos uma estrutura forte, consolidada há 70 anos. A convergência das Federações fará essa base perdurar”, garantiu.

Participaram do encontro os seguintes presidentes de Federações: Valdeci Cavalcante (PI); Ademir dos Santos (RR); Edison Ferreira de Araújo (MS); Eliezir Viterbino da Silva (AP);  Itelvino Pisoni (TO); Sebastião de Oliveira Campos (PA); José Roberto Tadros (AM); Leandro Domingos Teixeira Pinto (AC); Luiz Gastão Bittencourt da Silva (CE); Raniery Araújo Coelho (RO).

Parceria entre a Fecomércio MG e o CRCMG 

Na oportunidade, a Fecomércio MG e o Conselho Regional de Contabilidade do Estado de Minas Gerais (CRCMG) firmaram um Termo de Cooperação Técnica. O objetivo é a capacitação profissional, por meio da elaboração de materiais informativos e da realização de ações educacionais, palestras e eventos direcionados a empresários e contadores.

O escopo prevê um conteúdo que leve ao público atualizações sobre as legislações que impactam suas atividades. “Essa cooperação vem ao encontro da necessidade de preparar o empresariado para superar dificuldades relativas às novas regras que regem o mercado. Além disso, a proximidade da classe empresarial com o CRCMG fortalece a sociedade como um todo”, salientou Lázaro Luiz Gonzaga.

O presidente do CRC MG, Rogério Marques Noé, ressaltou que parcerias como a firmada com a Fecomércio MG permitem que a educação continuada seja executada em sua plenitude. “As pequenas empresas precisam do apoio dos sindicatos e das federações. As parcerias são parte fundamental para essa cooperação”, lembrou.

Crédito da foto: Henrique Chendes

Postagens Recentes
Fale Conosco

Para dúvidas sobre contribuições patronais, utilize a Área do Empresário no topo da página. Para outras questões, preencha sua solicitação e retornaremos em breve.