Fecomércio MG recebe 1º Encontro de Inteligência e Estratégia

Página Inicial / Notícia / Cursos e eventos / Fecomércio MG recebe 1º Encontro de Inteligência e Estratégia

A importância do uso de dados, informações e conhecimentos para ampliar a competividade das empresas é o foco do 1º Encontro de Inteligência e Estratégia 2018, que será realizado pela ComInteligência, em parceria com a Fecomércio MG. O evento gratuito ocorre no dia 27 de março, das 14h às 17h, no auditório da entidade, em Belo Horizonte. Com o tema “Fontes de informação em inteligência: tipos, usos e aplicações”, o seminário é voltado a empresários e apresentará, em quatro palestras, abordagens conceituais e exemplos práticos da aplicação da inteligência na gestão corporativa.

O economista e professor, Brenner Lopes, sócio da Consultoria Nous SenseMaking e um dos idealizadores do movimento ComInteligência, explica que a inteligência estratégica tem sido adotada, a cada ano, como um processo contínuo dentro das organizações. Essa opção reflete as mudanças na forma de consumo de bens e serviços em todo mundo. “A geração de inteligência não tem porte, abrangendo tanto as microempresas quanto as multinacionais. É uma técnica que permite levantar dados e informações complexas, analisadas de modo a gerar conhecimento para a companhia. Dessa forma, é possível refinar as informações para a tomada de decisões e para a definição de um programa de metas e resultados”, esclarece.

Lopes conta que implantou processos de inteligência estratégica em diversas empresas, com sucesso. Um dos destaques é o Senac em Minas, que passou a utilizar a ferramenta nas gestões corporativas e educacional. Na entidade, foram trabalhadas tanto estratégias como o planejamento para o uso do conhecimento, além do treinamento dos gestores e analistas de inteligência. O Sesc Minas, por sua vez, utiliza a ferramenta para assessorar todo o planejamento estratégico da instituição. “Também temos outros cases como o BDMG, Sebrae, Unimed BH, Federação das Unimeds, Vale, entre outros”, destaca.

A própria Fecomércio MG está implantando um setor de estratégia e inteligência no seu Departamento Comercial. O objetivo é concentrar esforços para ampliar a eficiência dos processos e da análise de informações (como pesquisas econômicas e de comportamento do mercado), compreender os novos hábitos de consumo e traçar cenários futuros, em busca de decisões mais assertivas. Com isso, a Federação pretende melhorar seu posicionamento nesse mercado tão competitivo, expandindo sua representatividade, além de aumentar o escopo de produtos e serviços, bem como a atuação internacional.

Nesse contexto, o Encontro de Inteligência e Estratégia pretende reforçar para os empresários todos os conceitos e a importância desse novo olhar sobre o negócio, capacitando-os para identificar oportunidades, reduzir custos e perdas, além de mapear pontos fortes e fracos da empresa e de seus concorrentes. Essas questões visam a melhoria da eficiência dos processos, a sustentabilidade do modelo de negócio e, consequentemente, a lucratividade.

SERVIÇO: 1º Encontro de Inteligência e Estratégia 2018
Tema: Fontes de informação e inteligência: tipos, usos e aplicações
Data: 27 de março (terça-feira)
Horário: 14h às 17h
Local: auditório da Fecomércio MG (Rua Curitiba, 561, 12º andar – Centro / BH)
Preço: gratuito (as vagas são limitadas)
Inscrições: http://www.fecomerciomg.org.br/2018/03/1-encontro-de-inteligencia-e-estrategia-2018/

Programação

Palestra 1: Fontes de informações em tempos de transformações exponenciais
Carlos Plácido Teixeira:
jornalista, com vasta experiência na cobertura de economia, finanças e negócios. Especialista em gestão da informação e comunicação integrada. Atualmente, como futurista, estudioso de tendências, gerencia e produz conteúdos do site Radar do Futuro, criado por ele em 2010.

Palestra 2: O que você prefere hoje: small data ou big data? Como acertar na escolha e na quantidade de dados e informações para resolver um problema específico
Luander Cipriano de Jesus Falcão:
mestre em Administração, com ênfase em Inteligência Competitiva. Pós-Graduado em Finanças e Controladoria e bacharel em Ciências Econômicas pela PUC Minas. Possui certificado internacional Competitive Intelligence Professional (CIP), nível I e II, conferido pela Fuld-Gilad-Herring Academy of Competitive Intelligence (ACI). Atua há mais de 10 anos com análise de grandes bancos de dados, analytics, elaboração de estudos setoriais e regionais. Atualmente, trabalha como analista sênior de inteligência competitiva no Sebrae-MG.

Palestra 3: Open and Paid Sources. Qual o verdadeiro custo das informações?
Brenner Lopes: sócio da consultoria Nous SenseMaking, especializada em Inteligência, Estratégia e Advanced Data Analytics. Economista e mestre em Administração, com ênfase em Inteligência Competitiva, possui diversas especializações, como Programa de Alta Direción en un Entorno Globalizado (Esade-Madri), Altos Estudos de Política e Estratégia (Escola Superior de Guerra), Gestão Estratégica da Informação (UFMG) e Estudos Superiores de Planejamento Estratégico (Secretaria de Segurança Pública de MG). Pesquisador e professor de pós-graduação.

Palestra 4: Tecnologias cooperativas para cultura de Business Innovation
Carlos Arantes: engenheiro formado pela UFSJ, pós graduado em Marketing pela UFLA e em Gestão Empresarial pela FGV, possui MBA em Gestão Comercial pela FGV, mestrado americano pela Ohio University e certificações em International Business pela UVic Canada, Business English pela Universidade da Califórnia, Finance pela International Business School of London, Gerenciamento de Canais de Venda pela Kellogg School of Management – Chicago, Service Management pela Rutgers New Jersey State University e Digital Business Strategy pela Columbia Business School. Como gestor de inteligência de produto da Sotreq CAT, é responsável pelo desenvolvimento de soluções digitais e novos negócios em tecnologia e inovação, além de atuar como professor da disciplina Estratégia Empresarial da FGV.

Postagens Recentes