Prêmio Empresa Inclusiva divulga vencedores

Página Inicial / Notícia / Institucional / Prêmio Empresa Inclusiva divulga vencedores

Com intuito de valorizar e divulgar as boas práticas de inclusão de trabalhadores com deficiência, o Governo de Minas Gerais realizou a solenidade de entrega dos troféus da 1ª Edição do Prêmio Empresa Inclusiva para Trabalhadores com Deficiência. A cerimônia de premiação, organizada pela Secretaria de Estado de Trabalho e Desenvolvimento Social (Sedese), aconteceu no dia 20/06, na sede da Federação das Indústrias do Estado de Minas Gerais (Fiemg).

O evento, que contou com a realização da Fecomércio MG e do Sesc em Minas, premiou as três vencedoras das categorias “Grandes Empresas” e “Empreendedor Individual com Deficiência”. Além disso, empresas e empreendedores individuais com deficiência foram agraciados com menção honrosa. Segundo o diretor de Desenvolvimento de Políticas para Inclusão ao Emprego da Sedese, Emanuel Marra, o resultado do prêmio representa o somatório de esforços do Governo de Minas Gerais e de parceiros, e deve ser o ponto de partida para outras ações de inclusão de pessoas com deficiência no mundo do trabalho. “Que as experiências reconhecidas sirvam de motivação para outras iniciativas de inclusão.”

A gerente-geral de desenvolvimento humano e organizacional no Sesc em Minas, Maise Castilho, fez parte da comissão julgadora. Ela considera que o prêmio possui uma causa nobre e é uma forma de destacar ações de empresas que têm promovido e adotado boas práticas e relacionadas à contratação, desenvolvimento e retenção de pessoas com deficiência. “É nítido que as companhias estão deixando de lado o foco no cumprimento do programa de cota e passando a centrar esforços na valorização da diversidade e nos benefícios de ser uma empresa inclusiva”, diz.

Maise ressalta que existem ainda muitas barreiras a serem vencidas, não somente em relação à acessibilidade, mas também na mudança do modelo mental e de quebra de paradigmas. “É preciso entender que a pessoa com deficiência é um ser humano como qualquer outro, com os seus potenciais e limitações. Para entregar os resultados esperados, ela precisa de direcionamento e ferramentas para ajudar no seu desenvolvimento.”

Ao todo, 37 participantes se inscreveram para a 1ª edição. Os relatos das experiências foram divulgados em revista especial publicada pela Sedese, disponível neste link.

Vencedores

O Prêmio Empresa Inclusiva foi dividido em três categorias, nesta ordem: Empreendedor Individual com Deficiência, Pequenas e Médias Empresas – aquelas até de 99 funcionários – e Grandes Empresas – com 100 ou mais empregados. Na segunda categoria não houve inscritos. A comissão julgadora contou com representantes da Sedese, do Conselho de Defesa dos Direitos das Pessoas com Deficiência (Conped), da Fiemg, do Sistema Fecomércio MG, Sesc e Senac, da Fundação João Pinheiro (FJP), do Instituto Ester Assumpção e da Associação Brasileira de Recursos Humanos (ABRH). A jornalista Inácia Soares, também colunista do portal Fecomércio MG, representou a sociedade civil.

Na categoria “Grandes Empresas”, a Anglo American foi a vencedora. O segundo lugar ficou com o Verdemar e o terceiro com o Supermercado Peixoto e Filhos, do município de Pará de Minas. Também foram agraciados com menção honrosa a Patrus Transportes e a Localiza Rent a Car.

Entre os inscritos para “Empreendedor Individual com Deficiência”, o vencedor foi Felipe Barros Silva, estudante da PUC Minas, que criou a plataforma de videoconferência Signumweb. O mecanismo oferece intérpretes on-line, em tempo real, para intermediar a comunicação de surdos por meio da Linguagem Brasileira de Sinais (Libras).

O segundo lugar, ficou com Eliane Vieira de Oliveira, que implantou a Vetor Inclusão, consultoria especializada em diversidade e inclusão social. Fechando os contemplados da categoria, a terceira posição foi conquistada pelo músico Jafet Leite Oliveira, que criou a banda Free Soul BH, para levar alegria às pessoas, principalmente da terceira idade. Houve ainda menções honrosas a Elton Antônio (Reciclart) e Kátia Fontes (Ortolev).

* Com informações da Sedese

Foto: Omar Freire

Postagens Recentes