Inflação apresenta retração em agosto

Página Inicial / Notícia / Economia / Inflação apresenta retração em agosto

As quedas de preços registradas nos setores de transportes (-1,22%) e alimentação (-0,34%) foram as principais responsáveis pelo recuo de 0,09% no Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA). Trata-se da menor taxa registrada em um mês de agosto em 20 anos. O indicador, que mede a inflação oficial do país, foi divulgado hoje (06/09), pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). No acumulado do ano, o resultado ficou em 2,85%, enquanto nos últimos 12 meses a inflação atingiu 4,19%.

O IPCA de Belo Horizonte acompanhou o desempenho nacional e também apresentou deflação no mês: – 0,01%. Em 2018, o indicador acumula alta de 3,38%. Já nos últimos 12 meses, o aumento chega a 4,23%. “O índice de agosto consolidou a percepção de que os efeitos das paralisações ocorridas em maio se dissiparam. A deflação observada no oitavo mês do ano se deve, sobretudo, ao recuo nos preços dos alimentos e dos transportes”, argumenta o economista da Fecomércio MG, Guilherme Almeida.

Ele ressalta que o resultado também dá alguns indicativos acerca da influência das variações do dólar na economia brasileira. “Apesar da elevada volatilidade e do crescimento da cotação da moeda americana, em agosto esse fato não impactou o nível de preços de forma significativa. Isso se justifica, talvez, pela lenta recuperação da atividade econômica, ainda com elevada taxa de desemprego e baixos níveis de demanda e investimento”, conclui.

Postagens Recentes