4 dicas para mulheres que desejam empreender

Página Inicial / Notícia / Desenvolvimento Empresarial / 4 dicas para mulheres que desejam empreender

A luta das mulheres por mais espaço tem se refletido em conquistas significativas ao longo das décadas. Maioria entre os estudantes do ensino superior no país (57%), elas também lideram no quesito empreendedorismo. Segundo o Sebrae, até o primeiro semestre de 2018, as mulheres foram responsáveis pela abertura de 14,2 milhões de pequenos negócios, contra 13,3 milhões por homens.

Estimuladas a empreender, seja para sustentar a família ou por vontade própria, elas ainda encontram uma série de obstáculos para equilibrar as rotinas pessoais e profissionais. No entanto, a psicóloga especialista em Prosperidade, Fernanda Tochetto, acredita que a criatividade feminina mais aguçada aumenta as chances de uma mulher ser bem-sucedida em qualquer negócio.

Não à toa, uma pesquisa da Bloomberg, no sul da Europa, mostrou que empresas com mais diretoras tiveram um desempenho quase 55 pontos percentuais superior ao daquelas com diretoria exclusivamente masculina.

No mês que celebra o Dia Internacional da Mulher (08/03), a Fecomércio MG apresenta quatro dicas para que empreendedoras alcancem sucesso nos negócios em 2019.

Vença o medo. Um dos motivos mais comuns de preocupação entre novas empreendedoras é o medo. Segundo a psicóloga, em doses normais, esse sentimento limitante pode se tornar benéfico ao promover reflexões sobre as estratégias adotadas para o negócio. “Quebrar essa barreira não é nada fácil. Mas, no empreendedorismo feminino, o medo é algo fundamental”, assegura.

Pesquise e estude o mercado. Para vencer o medo, Fernanda sugere que a mulher empreendedora estude o mercado, busque se especializar na área em que atua, ofereça produtos e serviços de fácil comercialização e crie uma carteira de clientes. “É preciso pesquisar a situação das empresas do nicho, além de conhecer o capital necessário e os riscos que envolvem o negócio”, propõe.

Tenha metas definidas. Estabelecer objetivos simples ou mais elaborados é primordial para organizar a rotina de um negócio. Para a psicóloga, a palavra-chave para obter êxito nessa tarefa é superação. “Estipular metas atingíveis e superá-las, uma a uma, transforma o resultado”, afirma.

Busque apoio em outras mulheres. Quinta palavra mais buscada na internet em 2017, a sororidade é uma atitude fundamental às mulheres. O termo significa a união de todas, baseada na empatia e no companheirismo, para que objetivos comuns sejam alcançados. Por isso, em vez de desistir na primeira crítica que receber, encontre apoio em outras mulheres para se manter motivada a trilhar o caminho do empreendedorismo.

Conheça ainda os 7 princípios para empoderar mulheres, estabelecidos pela ONU

Postagens Recentes