Conselho Estadual de Turismo se reúne na Fecomércio MG

Página Inicial / Notícia / Negócios Turísticos / Conselho Estadual de Turismo se reúne na Fecomércio MG

A regionalização do turismo e os avanços dessa atividade em Minas Gerais foram alguns dos destaques da 42ª reunião do Conselho Estadual de Turismo (CET). O encontro, promovido no dia 4 de setembro, na sede da Fecomércio MG, reuniu membros de entidades vinculadas ao trade turístico mineiro e gestores públicos municipais e estaduais. A abertura do evento ficou à cargo da presidente interina da Federação, Maria Luiza Maia Oliveira.

A reunião do CET, presidida pelo secretário de Estado de Cultura e Turismo (Secult), Marcelo Matte, apresentou os avanços conquistados pelo setor de turismo até o momento. “Nesses primeiros oito meses de governo, queremos comemorar o aumento de 8% no fluxo turístico em Minas Gerais e de 10% na taxa de ocupação hoteleira – nossa meta para o ano inteiro. Essa meta de crescimento de 10% ao ano será mantida ao longo dos quatro anos deste governo”, apontou.

Matte também citou a recente assinatura do protocolo de entendimentos entre o Governo de Minas, a BH Airport e a Azul Linhas Aéreas. Essa formalização permitirá ampliar a oferta de voos regionais e domésticos no Estado, a começar pelo Aeroporto Internacional Tancredo Neves, em Confins. O documento prevê a inclusão de 11 novos voos regionais saindo dessa estrutura.

O secretário destacou, ainda, a importância de articular os eixos capacitação, promoção e facilitação da logística de acesso para impulsionar o turismo estadual. Segundo Matte, a Secult, a Secretaria de Estado de Infraestrutura e Mobilidade e o Departamento Estadual de Estradas de Rodagem (DEER) tem trabalhado para eliminar burocracias restritivas ao transporte de passageiros, construindo, assim, acessos de qualidade entre os aeroportos e os grandes centros.

Câmaras temáticas

Um dos pontos altos do encontro envolveu a composição das Câmaras Temáticas do Conselho. “O objetivo foi alinhar, com os conselheiros presentes, a formação destas instâncias, validando seus referidos coordenadores. A partir de agora, cada uma das seis câmaras definirá sua proposta de trabalho e operação, com apoio técnico da Secult”, explica a subsecretária de Estado de Turismo, Marina Simião.

As câmaras temáticas oficializadas na reunião foram: de Tendência e Inovação do Turismo; Normatização; Infraestrutura, Financiamento e Investimento; Capacitação, Qualificação e Profissionalização do Turismo; Promoção, Comunicação e Apoio à Comercialização; e Segmentação Turística e Regionalização.

Presente no encontro, a analista de turismo da Fecomércio MG, Milena Soares, avalia o trabalho feito pelo Conselho como fundamental para o desenvolvimento da economia mineira. “O turismo envolve políticas públicas de diversas áreas, que serão analisadas por cada uma das câmaras. Desse trabalho, certamente, surgirão contribuições que irão permitir à cadeia produtiva do setor, que compõe o Conselho, criar iniciativas conjuntas que impulsionem a geração de novos empregos e renda por meio da valorização da nossa cultura.”

A reunião do CET também contou com apresentações sobre a formulação do Mapa do Turismo Brasileiro e o Decreto de Regionalização do Turismo. Publicado em 26 de julho deste ano, a norma estabelece os circuitos turísticos como executores, interlocutores e articuladores da descentralização e da regionalização dessa atividade no Estado. A publicação regulamenta ainda o artigo 18 da Lei 22.765/2017, que institui a Política Estadual de Turismo.

Foto: Adelle Soares

Postagens Recentes