Logo nos primeiros dias após a abertura oficial Copa do Mundo FIFA 2014 ™, o comércio local já pôde sentir os benefícios do mundial. Superando as expectativas para os dois primeiros jogos, milhares de turistas chegaram a BH aquecendo o mercado de bens e serviços. Os primeiros a ocupar a cidade foram os colombianos, 57 mil torcedores estiveram no Mineirão para prestigiar o jogo de estreia do time. Após a vitória contra a Grécia, muitos deles optaram por permanecer na cidade e comemorar nos principais bairros centrais da capital mineira.

Embora em um número expressivo, não foram somente os nossos vizinhos sul-americanos que desembarcaram em Beagá para a Copa. Não é difícil encontrar nas lojas, shoppings, bares, restaurantes e principais pontos turísticos da cidade estrangeiros vindos de todos os cantos do mundo. Embora alguns façam críticas construtivas relacionadas à mobilidade urbana, dificuldade linguística e infraestrutura, os turistas não dispensam elogios à gastronomia, hotelaria e hospitalidade mineira.

O Ministério do Turismo estima que nossos visitantes trarão retorno direto de 695,6 milhões de reais em Minas Gerais nos 30 dias de realização do megaevento. Além do retorno direto, o estado mineiro está tendo uma oportunidade única de se apresentar para o mundo. Ao todo mais de 3,6 bilhões de pessoas estão acompanhando o mundial, o aumento é de 12,5% em relação à última Copa, segundo estimativas do Governo Federal.

Essa vitrine midiática deve ser aproveitada pela cadeia produtiva do turismo ao comprovar a qualidade na prestação de serviços e a boa hospitalidade mineira. Neste momento, Minas Gerais está passando por uma fase de testes e experimentações e vai se consolidando como um destino de turismo de negócios e eventos internacionais, capaz de receber eventos de todos os portes.

Postagens Recentes
Vestuário e calçadosDéficit em conta corrente