A data mais esperada do ano para a maioria dos comerciários, se aproxima.  Você já traçou o planejamento estratégico para o Natal?  É importante fazer um checklist e conferir todos os itens para que tudo flua da melhor maneira possível. Confira algumas sugestões:

Em qual cenário a sua empresa está inserida?

Estar bem informado sobre a sua área de atuação, as tendências de mercado e as ações dos concorrentes, sem dúvida, é o primeiro ponto para começar a definir uma estratégia. Esses estudos auxiliam na definição de quanto você pode investir em marketing, estoque, decoração, contratação de funcionários e muito mais. No caso da contratação de mão de obra temporária, por exemplo, é importante saber qual é a expectativa de vendas para não cometer excessos ou não contratar abaixo do que é esperado.

Qual a expectativa dos clientes?

Você conhece bem o seu público? Sabe o que ele procura? Consegue oferecer um diferencial? Ao conhecer seu público, seus anseios e suas críticas, você conseguirá fazer escolhas assertivas e mudanças significativas para a sua empresa. Tanto nos produtos e serviços oferecidos quanto ao atendimento, pós-venda e fidelização ao longo do tempo.

O que os concorrentes estão preparando?

Para oferecer algo inovador, original e surpreendente, primeiro você precisa conhecer o que já é comum. Antes de investir em uma ideia para o seu negócio, certifique se essa ideia já está sendo utilizada. Descubra como foi aceitação com o público e analise se vale a pena seguir nessa mesma linha, ou se é melhor pensar em outra.

Faça uma lista com todas as ações que pretende executar.

São muitas tarefas para um tempo reduzido. Se você já fez o seu dever de casa e passou o ano se informando sobre o mercado, as novidades e tendências, você já adiantou grande parte do trabalho. Agora é hora de listar as ações que ainda faltam, para que não haja o risco de esquecer tarefas importantes e, com isso, perder bons negócios.

Prepare um cronograma

Mais importante que listar as tarefas é estipular um prazo para cumprir cada uma delas. Pode parecer trabalho excessivo, mas não se desespere. Quando você aprende a distribuir esse trabalho em doses diárias, dá tudo certo no final. E, aí? Mãos a obra!

Postagens Recentes