A taxa de desemprego no Brasil fechou dezembro de 2014 em 4,3%, ante 4,8% em novembro, igualando a mínima histórica registrada no mesmo mês do ano anterior, segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Embora a taxa da falta de emprego continue com índices baixos, o mercado de trabalho vem mostrando sinais de exaustão diante da fragilidade da inflação alta, da economia enfraquecida e dos juros altos.

De acordo com o Ministério do Trabalho, o país criou menos de 400 mil postos de trabalho com carteira assinada em 2014, registrando pior desempenho em 12 anos. De acordo com o economista da Fecomércio MG Caio Gonçalves, com a estagnação da economia, os únicos indicadores que ainda mostravam-se positivos eram os relacionados ao emprego. “Porém, as políticas restritivas começam a fazer efeito nessas variáveis, que tenderão a repetir esses resultados em 2015”, diz.

Postagens Recentes